Publicado por: Carlos | 12/05/2009

Pecados Íntimos (Little Children)

pecadosintimosSinopse:

Sarah Pierce (Kate Winslet) é casada com Richard (Gregg Edelman) e vive em uma cidade suburbana dos Estados Unidos. Ela leva regularmente sua filha Lucy (Sadie Goldstein) a um pequeno parque perto de sua casa. Lá Sarah observa e conversa com outras mulheres, que também levam seus filhos para brincar e praticamente dedicam suas vidas a eles. Até que um dia surge Brad Adamson (Patrick Wilson) e seu filho Aaron (Ty Simpkins). Brad já esteve no parque anteriormente e foi apelidado pelas mulheres como “rei do baile”, mas Sarah nunca o tinha visto. Elas jamais tiveram coragem de falar com ele e nem mesmo sabem seu nome, mas sonham todos os dias com sua aparição. Brad empurra Aaron no balanço, sem dar atenção às mulheres, até que Lucy pede à mãe que também a empurre. Sarah passa a brincar com a filha e começa a conversar com Brad. É o início de uma amizade entre eles, que envolve um homem frustrado por estar desempregado e uma mulher infeliz com seu casamento e sua própria vida. Logo esta amizade torna-se um caso extra-conjugal, pois Brad também é casado, com Kathy (Jennifer Connelly). (sic)

Este não é um filme fácil de se ver, mas se você quiser ver a complexidade social e emocional da vida de pessoas tomadas como normais, pegue sua pipoca, e prepare-se, pois o filme é intenso, cruel e real.

Kate Winslett está presa a um marido, que a despreza e não é valorizada. Patrick Wilson sofre uma emocional castração pela presença dominante, fria e arrogante da sua esposa, Jennifer Connelly. Um pedófilo preso pelo amor de sua mãe, sua incapacidade de superar a sua doença sexual e a perseguição a que é submetido. Um ex-policial preso pelos erros do seu passado e da sua incapacidade para resolver neste momento. Estes são os protagonistas deste maravilhoso filme cheio de surpresas, dúvidas e tapas na hipocrisia.

E, acima de tudo isso, é que vemos um mundo, uma sociedade, uma forma de vida, dominada pelo medo, pela hipocrisia e da duplicidade de critérios que qualifica como amoral qualquer indício de atitude que fuja do, que chamamos de conduta aceita pela sociedade.

E você, como verá o mundo após assistir este filme?

Anúncios

Responses

  1. Vou assistir e depois te conto!

  2. Bom dia!

    Ainda não assisti a este filme, mas você, com esta análise, conseguiu me deixar com água na boca… 😉

    Vou assitir, depois eu volto para dar o meu parecer.

    Kiso

  3. Cara, o trailer mais sua resenha me fizeram procurar pelo filme, parece ser um daqueles filmes inesquecíveis e valiosos para qualquer colecionador e amante de cinema…
    Depois que assistir ao filme, cometarei…

  4. Vou ver e depois comento, adorei a sinopse,

    cara este blog esta cada vez melhor

    show de bolaaaaa

  5. Este filme é muito bom, não fosse o explendido livro ‘Criancinhas’.
    Mas vale pelas atuações e pela sempre linda Jennifer Connely.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: