Publicado por: Carlos | 27/07/2009

Vamos celebrar a estupidez humana.

estúpido

De tempos em tempos eu recebo o e-mail que vocês vão ler abaixo, ou não.

Sempre dou algumas risadas com o seu conteúdo, mas depois começo a pensar e vejo que, na verdade, o caso não é para dar risadas e sim para chorar.

Mais uma vez o tema é educação, e mais uma vez, percebo que o brasileiro não dá a mínima por este assunto tão sério.

Nos bares, ruas, ônibus e metrôs é super comum você ouvir grupo de jovens falando da “facul”, TCC’s e monografias. Puxa que legal, hoje em dia, muito mais pessoas estão na faculdade, há bem pouco tempo, faculdade não era tão acessível assim, para muitas famílias, ter um filho no ensino superior era motivo de orgulho e sonho de uma vida melhor.

Os anos se passaram, as empresas mudaram, as bolsas de estudos apareceram e o crédito fácil jorra como adutora furada em alguma avenida da zona leste, e com isso, vários jovens puderam ter acesso às faculdades. Poxa vida, então o nível de conhecimento geral do brasileiro subiu?

Sim subiu, podemos dizer que o brasileiro saiu da condição de burro para estúpido.

Leiam o texto abaixo, tire sua conclusão e, se possível, dê sua opinião sobre o tema: “Se mais jovens estão nas faculdades brasileiras, por que ainda nos deparamos com tamanha ignorância?”CONHECIMENTOS GERAIS

1. O Brasil é um País abastardo com um futuro promissório parece que confusório e preocupatório também;

2. O maior matrimônio do País é a educação;

3. Precisamos tirar as fendas dos olhos para enxergar com clareza o número de famigerados que aumenta;

4. Os analfabetos nunca tiveram chance de voltar à escola;

5. É preciso melhorar as indiferenças sociais e promover o saneamento de muitas pessoas, de nível municipal, estadual e federal;

6. Também preoculpa o avanço regressivo da violência;

7. Resposta a uma pergunta: “Esta não cei”.

UMA DAS MELHORES ……

E o presidente onde está? Certamente em sua cadeira fu mando baseado e conversando com o presidente dos EUA.

HISTÓRIA

1. Tiradentes, depois de morto, foi decapitulado.

2. Entres os índios de América, destacam-se os aztecas, os incas, os maios, os pirineus, os phenícios, egipcios, facistas…

3. A História se divide em 4: Antiga, Média, Moderna e Momentânea, esta, a dos nossos dias.

UMA DAS CAMPEÃS!!!

Em Esparta as crianças que nasciam mortas eram sacrificadas.

OUTRAS EXCELENTES !

1. Resposta à pergunta: “Que entende por helenização? “Não entendo nada”

2. No começo os índios eram muito atrazados mas com o tempo foram se sifilizando.

GEOGRAFIA

1. O Brasil é um país muito aguado pela chuva, senão veja a Amazônia…

2. Na América do Norte tem mais de 100.000 Km de estradas de ferro cimentadas.

3. Oceano é onde nasce o Sol; onde ele nasce é o nascente, e onde desce, é o decente.

ESTAS SÃO NOTA DEZ !

1. A Terra é um dos planetas mais conhecidos no mundo e suas constelações servem para esclarecer a noite.

2. Expansivas são as pessoas tangarelas.

E O PRÊMIO VAI PARA….“O clima de São Paulo é assim: quando faz frio é inverno; Quando faz calor é verão; quando tem flores é primavera; quando tem frutas é outono e quando chove é inundação.”

 

Fonte: E-mail recebido pela leitora Lilian – SSParaíso-MG

Anúncios

Responses

  1. Quando vejo um blog que propõe a discussão e tem mais de 84 mil visitas até penso estamos evoluindo.

    Mas é só zapear a TV pra saber de números bem maiores que este em ligações pra BigBrother’s, Fazenda e Faustão.

    Nas Lanhouses, maravilha dos tempos atuais que você pode acessar qualquer informação do mundo por poucos Reais, o que vemos é Orkut, baladas, piadas.

    Nada contra, também acesso este tipo de conteúdo. O problema é quando ficamos apenas nisso.

  2. No carnaval 2009 de Guaxupé, cidade do Sul mineiro, o Feijão Queimado, falando sobre educação, estampou algumas frases retiradas, segundo o bloco carnavalesco, de redações feitas por alunos na prova do Enem. Lá haviam algumas pérolas, não tão “preciosas” quanto essas que estão no seu blog. Quando as vejo, sempre me pergunto: Será que são realmente de redações de alunos? Eu prefiro acreditar que são frases construídas por alguém na intenção de acentuar a tão propalada “burrice” ou “estupidez” dos brasileiros.

    Você tem razão quando diz que cada vez mais brasileiros estão entrando nas faculdades, tendo bolsas e tudo mais. O processo todo é muito longo e necessita de muitos ajustes. As escolas de ensino fundamental e médio precisam de melhores professores, melhor espaço físico, para dar condições aos alunos de chegarem ao ensino superior e poderem realmente adquirir cultura.

    O conhecimento é muito mais do que a alfabetização escolar. Primeiro, é claro, é preciso saber utilizar os instrumentos mínimos de percepção da realidade que nos cerca e, depois, ir selecionando as disciplinas e os rumos que interessam a cada um. Por isso, a leitura é sempre recomendada como base para toda a ampliação do conhecimento. Deve-se ler “de tudo”. Somente o acesso à diversidade dos textos fará com que uma pessoa tenha “conhecimento” e não somente alfabetização.

  3. ashuahuashauhaushasashuashuah! Vey, eu tive que rir!

    Mas falando sério agora….A gente não deve generalizar também, mas é inegável que além de “ignorantes”, nós brasileiros nos tornamos alienados.

    O problema não está tanto com as pessoas, está com o governo.
    Quanto mais alienados e burros- sim, burros- nós formos, melhor para eles!
    Educação de qualidade para todos não é de interesse do sistema, o qual se alimenta justamente é dessa apatia e ignorância.

    O número de pessoas na faculdade não quer dizer nada. Quantas pessoas terminam o ens. médio sem saber resolver uma equação de segundo grau?

    O problema não está nas universidades ou nas pessoas e sim nas escolas. Um ensino básico de qualidade tem que ser dado, aí quem sabe a gente possa cobrar mais dessas pessoas… até lá, teremos de coniver com esse tipo de “pérola” =/

    • Não, não precisamos generalizar. Eles fazem isso por nós.

      É muito MSN, Orkut e Twitter na cabeça desse povo, que aprende a escrever errado e não têm pai e mãe para corrigir.

      Mas o mais legal, na minha opinião, foi o “E o presidente onde está? Certamente em sua cadeira fu mando baseado e conversando com o presidente dos EUA.”

      Gostei do “fu mando”, para fugir do filtro de palavras.

      Ri muito!

  4. sabe realmente vc está com a razão mas tipo muito hilário ,eu tbm sou uma estupida,mas vou tentar sai dessa vida rsrrs

  5. parei de ler no presidente onde está…

  6. A educação do brasil é péssima, enquanto tivermos crianças indo pra escola só pra comer merenda, pois não tem comida em casa, ninguém vai aprender nada!

    E agora com o avanço em massa das faculdades a distância, qualquer pessoa sai por ai dizendo que tem diploma!

    Abraço.

  7. “…podemos dizer que o brasileiro saiu da condição de burro para estúpido.”
    Adorei esta frase. A educação no Brasil não é tão valorizada como deveria! Sim, hoje muitos podem ir à faculdade, mas muitos vão por que se sentem obrigados pelos pais a irem. O nosso país ainda está evoluindo (eu espero), e tomara que o nível da nossa educação evolua também.
    O dinheiro da educação brasileira leva os políticos ao exterior. Esse também é um grande problema!

    Abraços e boa sorte com o ótimo blog!

  8. É AQUELE NEGOCIO…ESTAR EM UM COLEGIO/FACULDADE NÃO GARANTEM NENHUM TIPO DE SABEDORIA A QUEM NÃO APROVEITA A CHANCE.

  9. É…às vezes é cada coisa que chega aos ouvidos…

    Nem “facul” ajuda o indivíduo, muitas vezes 😀

  10. EU também dei boas risadas com isso, mas realmente, isso mostra a incapacidade dos alunos ou dos professores desse país…

  11. o ignorande é aquele q aceita..

  12. esse é o nosso Brasil!!! Mas mesmo asim é poucos os que saem da faculdade, porque entrar todo mundo entra!

  13. Ah, metade disso aí é escrito de propósito pra tirar sarro de quem acha q está tirando sarro da gente. Eu fazia isso.

  14. o que precisa é mudar a mentalidade do povo brasileiro, que vê a escola como restaurante para os filhos “almoçarem”, como creche pois a escola é vista pelos pais como um local seguro onde seus filhos ficam enquanto eles trabalham ou fazem qualquer outra coisa, em outras palavras eles se livram dos filhos por algumas horas. Pensam que a escola agora é loja de departamentos, que deve fornecer todo vestuário, só não fornecemos roupa íntima, ainda.Não posso deixar de citar que a frequencia escolar melhorou bastante, senão eles não recebem a Bolsa família.
    Nós professores temos que receber alunos doentes, deficientes, drogados, problemáticos, gestantes e atender ,de uma só vez de 35 a 40 alunos (nenhum médico ou outro profissional atende tantas pessoas ao mesmo tempo!), por aula, lembrando que damos no mínimo seis aulas por dia, por período.
    Temos que dar educação, lição de moral, orientação sexual, orientar sobre drogas, violência, violência doméstica, entre outras coisas e de repente sobra, às vezes, um tempinho para tratarmos de português, história, geografia, matemática, ciências, artes…
    Muito se questiona sobre a qualidade do ensino, mas pouco se questiona da qualidade dos alunos que recebemos… e voces ainda acham que eles realmente vão se dedicar ao ensino superior? Tem as excessões, é verdade, graças a Deus, mas de que adianta entrarem na Universidade se eles não tem competência para concluírem? o problema não é entrar e começar, é conseguir terminar, depois se especializar, o processo é longo, difícil, e não será nessa geração que vai dar resultados, muito menos eu penso nessa geração que pensa que escola é só para ganhar Bolsa Família, Vale gás, leite em pó, etc, etc, etc. como eles vão dizer para os filhos que estudar é importante?
    Em meio essa pandemia de gripe, aulas suspensas, estão preocupados porque as crianças não estão comendo direito, que o leite foi suspensa a entrega, e que os pais já não sabem o que fazer com os filhos em casa!!! alguém lembrou que a educação está sendo prejudicada?
    a discussão é longa, e para mim, professora do ensino fundamental, resta continuar tentando fazer o melhor, pensando que poderia ser minha filha que está na sala de aula, e todos os dias pedir orientação e sabedoria a Deus, para que eu nunca perca a esperança.
    Mas que as frases são divertidíssimas, isso são, e confesso que eacredito que muitas são verdadeiras, pois eu leio cada uma também!!
    beijos!!!

  15. É de rir, mas é de chorar também…
    Olha só, muita coisa se fala sobre as melhoras que a educação brasileira apresenta ao longo dos últimos anos…
    A educação infantil está muito boa nas cidades com exceções é claro…
    O ensino fundamental com professores cada vez mais capacitados…
    O ensino médio é o que anda ainda bem distante do ideal de qualidade…
    Engraçado que para o governo, sinônimo de qualidade na educação é número de dias letivos…
    Com 200 dias letivos o governo acha que o ideal seriam 220 e tentam aprovar isso agora…
    Como professor acho isso a coisa mais sem sentido…
    Aumentar o número de dias em sala e não aumentar o conteúdo do que se ensina assim como a qualidade dos profissionais de educação é o mesmo que aumentar a pena de um preso e não proporcionar nada a ela enquanto estiver na cadeia. Quando ambos saírem, o estudante e o preso não encontrarão um lugar na sociedade…
    Outro fator deve ser levado em consideração…
    Trabalho somente na rede privada e vários de meus colegas têm outras profissões. Muitos deles têm dito que abandonarão o magistério caso isso ocorra, retornarão as suas profissões primeiras e com isso perderemos grandes profissionais…

    Aumentar a qualidade para que acabe com essa idiotice em meio aos alunos, porque se a idiotice já chegou naqueles que legislam, só nos resta as gerações vindouras para mudar esse status quo, e se eles não tiverem uma educação de qualidade criará-se um ciclo vicioso de debilóides estudantis só esperando “acabar seu tempo” para entrar em uma sociedade de idiotas…

  16. Quantifica-se mais não se qualifica… Então, naquela lógica: tudo que tem oferta demais acaba tão padronizado e facilmente multiplicável, que a qualidade acaba sendo um fator de luxo, para uma parcela pequena.

  17. Cara, é pra caba a interligência do nosso polvo brasiliano, né?
    Poiz magina só ce vai te huma peçoa que iscrevine dece geito…

    kkkk

    falow

  18. Nada vai mudar até que o povo deixe de lado a novela e o futebol ( como o pão e o circo na era romana).

    A educação hoje é reflexo do que os políticos pensam de nós, outra coisa porque para ser juiz precisa de Universidade, e pra político não precisa ???

    Um dia teremos que mudar esse tipo de coisa.

    Além das ferramentas da net serem um canal viciante para os jovens, que esqueceram o livro, a tv cultura, o discovery, history channel, enfim..

    Nem vou comentar sobre os exemplos que temos na sociedade, por que eu começo a chorar.

    Abraço.

  19. Isso é realmente uma situação deprimente. Pois além deste tipo de resposta ser comum, vemos que os alunos chegaram a faculdade com este nível de aprendizado. E a culpa NÃO É do professor, na maioria dos casos. A situação só tende a piorar com a lei da aprovação automática.

    Parafraseando a Regiane:

    “o que precisa é mudar a mentalidade do povo brasileiro, que vê a escola como restaurante para os filhos “almoçarem”


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: